sexta-feira, junho 14, 2024
TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO AMAZONASspot_imgspot_img

NOTÍCIAS ALEAM

InícioCMMVereadores defendem políticas públicas para retirar crianças pedintes das ruas de Manaus

Vereadores defendem políticas públicas para retirar crianças pedintes das ruas de Manaus

Tema foi abordado durante o Grande Expediente desta terça-feira, no plenário Adriano Jorge da CMM

Os vereadores da Câmara Municipal de Manaus (CMM) defenderam, durante o Grande Expediente desta terça-feira (22/08), a implementação de políticas públicas capazes de promover a retirada de crianças pedintes das ruas da capital. O assunto esteve entre os temas debatidos no plenário Adriano Jorge, onde os parlamentares também trataram de temas relacionados ao meio ambiente e preservação.

O vereador Raulzinho (PSDB) usou a tribuna para trazer destaque ao tema que, segundo ele, tem piorado ao longo do tempo.

“Crianças que deveriam estar na escola, em horário de aula, estão nas ruas pedindo dinheiro e sendo aliciadas por maiores que estão por trás disso. São crianças que, em muitos casos, recebem auxílios financeiros e que, ainda assim, estão sendo expostas a situações como essas, e precisamos trabalhar para que isso não aconteça mais”, afirmou Raulzinho.

Para o vereador William Alemão (Cidadania), esse é um problema que precisa ser solucionado em caráter de urgência.

“Essas doações que fazemos sem maldade, com o coração, na verdade nós estamos mantendo essa criança no semáforo. Nós estamos fazendo que aumente ainda mais a quantidade de crianças sendo usadas por bandidos para pedirem dinheiro”, destacou William Alemão.

Outro tema abordado durante o Grande Expediente, levado à tribuna pelo vereador Lissandro Breval (Avante), foi a questão do descarte de resíduos. De acordo com o vereador, Manaus é uma cidade que produz mais de 500 caminhões de lixo por dia, o que, conforme Breval, influencia diretamente a vida útil do lixão municipal.

“Manaus está correndo um risco ambiental irreversível; querem fomentar um aterro sanitário na BR-174, o que geraria diversos crimes ambientais, visto que o local é cercado por área verde e igarapés. Em relação a isso, vou fazer diversos requerimentos para a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas) pedindo explicações. Não podemos perder o Tarumã”, afirmou Breval.

Foto: Mauro Pereira – Dicom

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img

Manaus

Juliana Felipe de São Gabriel da Cachoeira Conquista Ouro nos JEBs 2024 e Orgulha o Amazonas

A talentosa atleta Juliana Felipe, da Acopajam, de São Gabriel da Cachoeira, brilhou nos Jogos Escolares Brasileiros (JEBs) 2024, em Maceió, conquistando uma medalha...

Polícia prende um dos suspeitos de estuprar e transmitir vírus do HIV para crianças e adolescentes

O técnico em edificações Rodrigo Wenderson Nunes dos Santos, 31, suspeito abusar sexualmente de crianças e adolescente e transmitir o Vírus da Imunodeficiência Humana...

Lançado Livro de Saberes Tradicionais Quilombolas, em N. Airão

  Um Estudo Sobre as Práticas Educativas na Escola Municipal Jaú Tambor Na noite do último sábado (8/6), Novo Airão, município da Região Metropolitana de Manaus,...

Delegado João Tayah retira placa de apologia à pena de morte em via pública

O delegado de polícia e pré-candidato a vereador pelo PT, João Tayah, retirou uma placa fixada em um poste da Avenida Torquato Tapajós, no...

“Semana Solo Seguro Favela”, Urbanismo Sustentável no Amazonas

De 3 a 7 de junho de 2024, a Corregedoria-Geral de Justiça do Amazonas (CGJ/AM) vai realizar a 1a. edição da “Semana Solo Seguro...
spot_imgspot_img

POPULARES

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img