segunda-feira, maio 27, 2024
TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO AMAZONASspot_imgspot_img

NOTÍCIAS ALEAM

InícioAMAZONASInstituto da Mulher Dona Lindu ensina a doar filhos

Instituto da Mulher Dona Lindu ensina a doar filhos

Instituto da Mulher Dona Lindu recebe oficina sobre projeto “Acolhendo Vidas”

Profissionais da equipe multidisciplinar do Instituto da Mulher Dona Lindu (IMDL) participaram de uma oficina sobre o projeto “Acolhendo Vidas”, para mulheres que, durante a gravidez ou após o parto, pretendem entregar seus filhos a adoção. A qualificação aconteceu, na sexta-feira (13/09), no auditório do IMDL, e os profissionais receberam com orientações sobre como reconhecer e atender as mulheres que intentam entregar os filhos para adoção.

A diretora do IMDL, Marilsa Matias, explicou que o projeto cria procedimentos para acompanhar as gestantes.  “A gestante que intenta entregar o seu filho para a adoção recebe acompanhamento, para que tenha segurança e tempo necessário para livre manifestação quanto a entregar seu filho ou decidir permanecer com ele. No segundo caso, acionamos os órgãos que executam as políticas públicas nas diversas esferas, de forma a suprir as necessidades dessa família”.

Projeto – O “Acolhendo Vidas” foi criado em 2013 pelo Juizado da Infância e Juventude Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas (TJAM), que trabalha com uma rede de atenção e proteção, composta por Conselhos Tutelares, maternidades e Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Casas de Saúde que trabalham com as gestantes em pré-natal, garantido apoio psicossocial e jurídico para as mulheres que manifestam intenção de não ficar com o recém-nascido.

A entrega de um filho para adoção é assegurada no Artigo 13 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). A legislação busca evitar a ocorrência de abortos e abandonos de bebês.

Como funciona o projeto – O juizado mantém articulação com as maternidades da capital, que informam a existência de mães que desejam entregar o filho para adoção. Quando o bebê nasce, ele é encaminhado para acolhimento em um dos abrigos da cidade, com autorização do juizado, e a mãe ainda tem 40 dias para que a decisão de doar o filho seja oficializada ou não.

Desde o momento em que a gestante demostra intenção de encaminhar o filho para adoção, a rede de proteção atua para auxiliar a mulher, não apenas no processo de entrega, mas também contribuir para ela esteja segura da sua decisão.

Caso a mulher desista da adoção e decida permanecer com o filho, os órgãos de amparo à mulher e crianças e adolescentes são acionados para ela seja inserida nos programas sociais que atendam as necessidades da sua família.

FOTO: Divulgação/Susam

Mais informações: Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado de Saúde (Susam): 3643-6304 e 98407-1699. E-mail: comunicacao@saude.am.gov.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img

Manaus

Reordenamento do Centro Comercial e Histórico é Iniciado pela Prefeitura de Manaus

Manaus – A Prefeitura de Manaus, através das secretarias municipais de Infraestrutura (Seminf); Agricultura, Abastecimento, Centro e Comércio Informal (Semacc); da Mulher, Assistência Social...

William Alemão denuncia precariedade do T4

O vereador William Alemão tem sido uma voz ativa em defesa dos usuários do transporte público de Manaus, denunciando as condições precárias do Terminal...

Homem Atropelado na Compensa Espera Socorro de Ambulância por Quase 2 Horas

Manaus – Na manhã desta quarta-feira (22), por volta das 6h, um homem identificado como Antônio foi atropelado na avenida Brasil, no bairro Compensa,...

Caio André denuncia alagações no Monte das Oliveiras

  O presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), vereador Caio André (União Brasil), denunciou, nesta terça-feira (21/05), problema de alagações na rua Yarapé, no...

Cães auxiliaram na apreensão + de 500kg de drogas em 4 meses

Cães de faro para narcóticos ajudaram na apreensão de muitas drogas no Amazonas   Nos últimos quatro meses, os cães de faro para narcóticos da Polícia...
spot_imgspot_img

POPULARES

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img