InícioAMAZONASDESATIVAÇÃO DE AEROPORTO SERÁ QUESTIONADA

DESATIVAÇÃO DE AEROPORTO SERÁ QUESTIONADA

O deputado estadual Adjuto Afonso vai acionar Infraero para explicar desativação do Aeroporto “Eduardinho”, em Manaus, que atende à maioria das cidades do interior do estado.

Em pronunciamento na manhã desta quarta-feira, 5, o deputado Adjuto Afonso (PDT) questionou a desativação do Aeroporto “Eduardinho”, que deve acontecer até o dia 1 de agosto de 2017,
conforme informação de permissionários das empresas aereas que operam no terminal. O parlamentar vai entrar com requerimento na Mesa Diretora solicitando em caráter de urgência a presença de representantes da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), para explicar tal decisão, e os deputados tentarem reverter a situação.

“Fui informado que a Infraero quer fechar o terminal Eduardinho, já comunicou, inclusive, aos permissionários, alegando que este terminal dá prejuízo. Imagine que esse terminal foi recém-construído com muito dinheiro público gasto, e hoje a Infraero descobre que dá prejuízo? Já houve a comunicação às empresas de táxi aereo, que dentro de um breve espaço de tempo esse terminal será desativado. Esta Casa tem que urgentemente propor uma audiência pública ou uma reunião com a Infraero e mostrar o prejuízo que o fechamento desse terminal irá causar, principalmente à população do interior do Estado”, ressaltou Adjuto Afonso.

O parlamentar informou que estará apresentando um requerimento à Mesa Diretora solicitando a presença de representantes da Infraero, e conclamou os colegas deputados a acionarem a bancada do Amazonas no Congresso Nacional. “Já estou de posse do comunicado de uma das empresas aereas e conclamo a esta Casa, seja através de audiência pública, seja através de manifestação às nossas bancadas no Congresso Nacional, nossos senadores, para que não deixem isso acontecer, que nós entendemos que é muito ruim para a economia de nosso Estado”.

Adjuto Afonso já conta com o apoio do deputado Wanderley Dallas (PMDB), presidente da Comissão de Transporte, e do deputado Francisco Souza (Podemos), que estão solidários à situação que prejudica não somente as empresas aereas, mas a população do interior que não tem muitas alternativas de deslocamento. “Quero dizer da nossa preocupação, que esta Casa tem por obrigação fazer com que urgentemente a Infraero venha até aqui esclarecer o porquê de estarem pensando em fechar esse terminal. O Ministério Público deve ser acionado para que também participe dessa reunião através da Comissão de Transporte”, disse Adjuto.

De acordo com o comunicado em posse na mãos de Adjuto Afonso, o motivo da desativação seria por questões econômicas. “Eu não admito que a Infraero só pense em lucro. Se tem lucro no grande terminal de passageiros, no Eduardo Gomes, isso tem cobrir, o que não pode é a população do interior não ter uma opção de transporte. Nós somos um Estado diferente e queremos incentivar a aviação regional, mas como é que vamos incentivar se não temos um aeroporto para essas empresas regionais?”, questionou o deputado Adjuto Afonso.

O parlamentar sugere que a reunião com a Infraero seja nos próximos dias, antes do recesso na Casa Legislativa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados
spot_imgspot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img

Manaus

No Dia Internacional Contra Homofobia, Sejusc reforça os serviços disponíveis e a luta por respeito

Ações são coordenadas pela Gerência de Diversidade de Gênero Neste dia 17 de maio é celebrado o Dia Internacional Contra Homofobia, data que marca a...

Circuito Cultural Promove Luta Contra a LGBTfobia em Manaus

Dia Internacional do Combate à Homofobia, Bifobia e Transfobia será celebrado no dia 17 de maio Instituído após a exclusão da homossexualidade da Classificação Internacional...

Sepror participa da 2ª reunião nacional do Plano ABC+ em Brasília

A Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror) participa da 2ª Reunião Nacional do Plano ABC+, em Brasília, iniciada nesta quarta-feira (15/05), com duração...

PGE-AM obtém liminar impedindo corte de energia na Arena da Amazônia

  A Procuradoria Geral do Estado (PGE-AM) obteve, nesta quarta-feira (15/05), uma liminar junto à 4ª Vara da Fazenda Pública impedindo que a concessionária Amazonas...

MPAM promove curso de tiro e armamento para novos promotores

O Ministério Público do Estado do Amazonas (MPAM), por meio do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça Criminais (Caocrim), realizou um treinamento...
spot_imgspot_img

POPULARES

spot_imgspot_img

POPULARES

spot_imgspot_img